A melhor maneira de escolher sapatos

 

Não tem nada pior do que nos darmos conta de que aqueles sapatos perfeitos que experimentamos na loja, machucam tanto ao os usarmos. Este guia prático vai ajudar você a escolher os melhores sapatos. 

Meias

Quando você comprar sapatos, lembre-se de experimentá-los com o tipo de meias que você pensa em usar com eles. Você pode comprá-las ou carregá-las em sua bolsa.

Comprimento

Seu sapato deve ser aproximadamente 1,5 cm mais longo do que seu pé para garantir que seus dedos tenham espaço para se mover e evitar qualquer atrito. Meça o comprimento de seu pé da ponta de seu dedo mais longo até o calcanhar (lembre-se de que não necessariamente o seu dedo mais longo é o seu dedão).

Largura

O sapato deve ser confortável em seu ponto mais largo, evitando a irritação causada devido ao atrito com seu pé. Então certifique-se de que não existam pontos de pressão. Se você não conseguir mexer seus dedos isso quer dizer que os sapatos estão muito apertados.

Profundidade

A parte superior não deve empurrar o topo de seus pés para baixo, especialmente na ponta. Este tipo de pressão causa irritação, problemas nas unhas e cãibras. A profundidade do sapato está correta quando você pode flexionar seus pés.

Calcanhares

O sapato deve acomodar seu pé firmemente ao redor dos calcanhares, especialmente em sapatos esportivos. Estar com os calcanhares desestabilizados faz com que o pés deslizem, tornando seu passo desbalanceado, podendo levar a dores nos arcos e irritação da pele.

Palmilha

É importante escolher uma palmilha ou um sapato com uma palmilha anatômica desenhada para suportar seus pés nos pontos de apoio corretos. Sapatos com palmilhas removíveis são muito práticos uma vez que elas podem ser removidas para se colocar palmilhas ortopédicas e anatômicas, que podem ser mais largas para acomodar o inchaço durante o dia.

Forro

forro do sapato deve ser leve, livre de vincos, dobras ou rugosidades e de qualquer costura levantada. Isto irá ajudar a evitar qualquer irritação ou danos na pele.

Parte de cima

Qualquer que seja o material da parte de cima, tenha certeza que ele é flexível e não restringe o movimento. Também é importante considerar a capacidade de respiração, assim seu pé não superaquece ou produz odores.

Sola

material da sola deve ser leve, durável e ter aderência. Tente escolher sapatos que forneçam proteção contra pedras ou outros objetos que podem machucar seus pés.

Amarrar

Se possível, escolha sapatos com laços, cintas ou fivelas, assim você pode ajustá-los para atender melhor às suas necessidades.

Tamanho

Nossos pés estão totalmente formados aos 18 anos, mas seu tamanho ou forma ainda podem mudar devido à idade ou gravidez, por exemplo. A forma do sapato e o ajuste também fazem a diferença. Então é melhor escolher um sapato confortável para melhor acomodar o pé.

Tentativa e erro

Sempre experimente os dois pés dos pares de sapatos: os pés das pessoas possuem tamanhos ligeiramente diferentes, então escolha o sapato mais largo. Seu pé alarga quando você coloca o peso do corpo sobre ele, então se certifique de ficar de pé enquanto experimenta um novo calçado. Além disso, uma dica é sempre comprar sapatos à tarde ou à noite quando seus pés estão um pouco mais inchados devido ao stress do dia.

Um pequeno truque

Por fim, certifique-se de andar na loja com os sapatos pois mesmo o material mais leve pode não ser o mais confortável quando seu pé está em movimento. Calce os sapatos durante 10 ou 15 minutos, ande na loja e então mantenha aquele que mais lhe interessa em um pé e tente outros sapatos com o outro pé.